• Entrar
  • Cadastrar
Copa do Mundo Feminina: descubra as delícias da comida típica dos países que enfrentam o Brasil em campo

Rivais em campo, mas não na mesa! Conheça os pratos e as curiosidades da culinária do Panamá, da França e da Jamaica, adversários da seleção brasileira na etapa de grupos da Copa do Mundo Feminina de 2023.

Das carimañolas panamenhas, aos maracons franceses e até o ackee e saltfish jamaicano, as seleções que enfrentam o Brasil são fortes na cozinha (Créditos: Shutterstock)

É hora de torcer pelo Brasil mais uma vez na Copa do Mundo Feminina de 2023 e não dá para fazer isso de barriga vazia! Durante a Copa do Mundo Masculina de 2022 pudemos conhecer um pouco sobre a comida do Catar, país sede na ocasião, e também os petiscos típicos de várias seleções participantes. Agora é mais uma oportunidade de experimentar e se deliciar com a gastronomia dos países que vão enfrentar o Brasil. Afinal, a rivalidade está em campo, mas não precisa estar na mesa. Confira no TudoGostoso os pratos típicos do Panamá, da França e da Jamaica, adversários da seleção brasileira na rodada de grupos da competição, e deixe a torcida ainda mais gostosa.

Quais são as comidas típicas do Panamá?

A comida do Panamá, assim como de muitos países da América Latina, tem influências indígenas, africanas e europeias, especificamente espanholas. Por causa disso, alguns pratos mais amados no Panamá também estão presentes nos países vizinhos, como o ceviche, o arroz con pollo, os patacones e os tamales, mas com um toque panamenho.

Apesar do calor da América Central, a gastronomia do Panamá se destaca nas sopas e nas frituras. O sancocho é uma sopa de frango, mandioca e vegetais que adoram comer no almoço. E a fritura lá é comum no café da manhã, com destaques para os hojaldres, os pães achatados e fritos mais característicos do país.

As carimañolas fazem sucesso nos lanches por lá e garantimos que também fariam no Brasil! Afinal, um bolinho de mandioca recheado de carne moída ou queijo não está longe do nosso paladar. Se quiser um prato completo, o ropa vieja é a escolha certa no Panamá: com um prato de carnde de fraldinha desfiada com molho a base de azeite e urucum e acompanhado de arroz e salada não tem erro. De sobremesa, a mamallena é o doce de destaque, um pudim de pão com passas bem esponjoso.

Quais são as comidas típicas da França?

A gastronomia francesa dispensa apresentações. É uma culinária que se espalhou tanto pelo mundo que usamos algumas técnicas e preparos diariamente no Brasil, às vezes sem nem perceber. Você gosta de comer massas com molho branco estilo béchamel? Ou então não dispensa o toque crocante dos croutons na salada? E os doces, gosta de um bolo ou cupcake coberto com a mistura de chocolate e creme de leite da ganache? Todos esses preparos surgiram na França e ganharam o mundo mesmo dentro de receitas nada francesas.

A comida francesa em geral é renomada por seu sabor fresco, preparo preciso e apresentação impecável. As ervas finas, o alho e os cogumelos são muito usados para temperar a comida. A grande variedade de queijos franceses dão riqueza para as refeições, os vegetais são bem aproveitados e a carne de pato é um destaque à parte na cozinha francesa.

Por causa desses preparos, a alta gastronomia francesa ficou famosa com seus pratos refinados como foie gras, escargot, coq au vin e macaron. Mas até as comidas mais simples são deliciosas. A baguete francesa tem só 3 ingredientes mas virou Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade da UNESCO. O cassoulet não é muito diferente de uma feijoada de feijão branco. O croissant, que por aqui recheamos com tudo, na França é apreciado puro ou com manteiga. E não dá para passar por uma reunião de família por aqui sem uma mousse de chocolate deliciosa.

Quais são as comidas típicas da Jamaica?

Na Jamaica, a gastronomia local foi construída sobre os pilares da comida local e ameríndia e das influências externas dos muitos países que passaram pela região ao longo dos séculos. Como uma ilha do caribe, os frutos do mar também estão bem presentes na culinária, mas são os temperos que mais chamam a atenção, já que a comida jamaicana gosta de brincar com a mistura entre salgado, picante e doce.

Um dos pratos mais típicos, o ackee e saltfish, mistura tudo isso e ainda é servido no café da manhã. Ackee, ou akee, é uma fruta bem típica da jamaica que é da família da lichia. Já saltfish é o bacalhau salgado, que é cozido com o ackee e temperos e servido com acompanhamentos clássicos do país como arroz e ervilhas, callaloo (um prato verde com amaranto ou taro) ou johnnycakes (um bolinho de farinha de milho). O atleta recordista Usain Bolt já até disse em entrevistas que frequentemente come o prato nas suas manhã.

Carnes em geral são bem-vindas na gastronomia jamaicana. O jerk jamaicano, um dos preparos mais tradicionais, é feito com carne grelhada em cima de uma fogueira e com um tempero bem apimentado com cebola, pimenta, noz moscada e canela. E o patty jamaicano é um meio termo entre hambúrguer e pastel com uma massa recheada de carne. Na Jamaica você ainda encontra pães deliciosos, como o festival, um pão frito de farinha de milho, e o bammy, um pão achatado de farinha de mandioca, e doces como a gizzada, uma tortinha crocante com recheio de coco, açúcar e as especiarias que não podem faltar.

Veja mais:
Torcida saudável: petiscos leves e deliciosos para comer assistindo à Copa do Mundo
Bebeu demais vendo os jogos da Copa? Veja o que comer e tomar para curar a ressaca
Copa do Mundo com bolso cheio: 5 ideias para ganhar dinheiro com a festa do futebol

Temas relacionados