• Entrar
  • Cadastrar
10 comidas árabes que o Neymar precisa provar na Arábia Saudita (mas você consegue fazer em casa com facilidade)

O craque Neymar já se encontra na Arábia Saudita e o TudoGostoso mostra quais comidas árabes ele precisa experimentar no país!

Confira alguns dos pratos árabes que o craque brasileiro precisa experimentar enquanto está na Arábia Saudita e que você pode fazer em casa! (Créditos: Shutterstock / Getty Images)

Com a contratação de Neymar Júnior pelo time Al-Hilal, o craque abandonou a Europa rumo ao Oriente Médio, mais especificamente a Arábia Saudita, país onde irá residir pelos próximos anos. Com isso, o jogador de futebol precisará se adaptar a uma nova cultura, com um novo idioma e, claro, uma gastronomia diferente e diversificada. Por aqui, nós adoramos comida árabe, e os pratos típicos já são bem comuns em diversos locais do Brasil. Porém, vamos concordar que experimentar essas delícias nos países de origem deve ser uma experiência única! Por isso, o TudoGostoso pensou em 10 comidas árabes que o Neymar precisa experimentar na Arábia Saudita, mas que você consegue fazer em casa com facilidade. Confira!

Comidas árabes: 10 pratos típicos para o Neymar experimentar durante sua estadia no Al-Hilal

1. Homus tahine

A famosa pastinha de grão-de-bico com gergelim é consumida em diversos países árabes, inclusive na Arábia Saudita. É muito fácil encontrá-la aqui pelo Brasil em diversos restaurantes, até os que não são especializados em comida árabe. O melhor é que é um prato cheio de nutrientes e simples de ser feito. Por lá, eles comem no café da manhã e como entradinhas de almoço e jantar. Também é comum usá-lo para rechear sanduíches como o kebab. Confira a receita de homus tahine.

2. Babaganoush

A babaganoush também é uma pasta feita à base de tahine e lembra bastante o homus. No entanto, o grão-de-bico sai e dá lugar para a berinjela, um vegetal bastante consumido nos países árabes. Aprenda a receita de babaganoush e experimente essa delícia aí na sua casa!

3. Pão árabe

É claro que o clássico pão árabe não poderia ficar de fora dessa lista. Também chamado de pão sírio ou pão folha, ele já é bastante conhecido por aqui. Assim como as pastinhas, ele é servido durante o café da manhã e como acompanhamento das entradinhas das refeições. Por mais que seja bem fácil achá-lo em padarias e supermercados, que tal fazer em casa? Veja a receita do pão árabe caseiro.

4. Falafel

Um bolinho feito à base de grão-de-bico triturado, bastante consumido nos países árabes e bem popular no Brasil. Com ele, você consegue perceber como esse grão é importante para a culinária de alguns países do Oriente Médio, inclusive da Arábia Saudita. Misturado com especiarias e ervas, ele é perfeito para ser degustado como recheio de um sanduíche, como entrada ou até mesmo como prato principal. Veja a receita de falafel.

5. Tabule

Uma saladinha fresca feita com trigo para kibe, o tabule é ideal para quem deseja dar uma variada no cardápio de saladas. É mais um dos pratos árabes que ganhou bastante espaço nos restaurantes brasileiros. Veja a receita de tabule.

7. Coalhada seca

A coalhada seca é uma pasta, ou molho, feita à base de leite e bem densa. O sabor lembra o do sour cream americano, levemente azedinho. Ela pode ser servida temperada e com um fio de azeite para incrementar ou até mesmo pura. No seu dia a dia, você pode adicioná-la como tempero de saladas, recheio de sanduíches e até molho para alguns tipos de proteínas como cordeiro. Aprenda a receita de coalhada seca.

8. Kibe cru

Muito tradicional da Arábia, o kibe cru é uma iguaria bastante polêmica: ou você ama, ou você odeia. Se você é do time que ama ou que tem curiosidade de experimentar, fica ligado na dica: escolha muito bem o local onde você irá comprar a carne para preparar o prato. Como ele é consumido cru, é preciso tomar muito cuidado com a procedência do alimento. Veja a receita de kibe cru do TudoGostoso.

9. Kafta

Vai um churrasquinho de kafta aí? Bom, esse é um prato bem popular no Brasil, que chegou junto com imigrantes e rapidamente caiu no gosto dos brasileiros. Muito vendida nas barracas de churrasquinho espalhadas pelo país, a kafta é um dos pratos mais apreciados pelos árabes, e nem sempre é consumida no espeto, sabia? Aprenda a receita de kafta tradicional e se delicie!

10. Charutinho de folha de uva

Para fechar com chave de ouro, temos o charutinho de folha de uva. Bastante parecido com os charutos de repolho, esse tipo de preparo é bem tradicional, sendo bastante consumido no almoço árabe. O recheio pode variar de acordo com o gosto de cada. Veja a receita de charuto de folha de uva.

Temas relacionados