• Entrar
  • Cadastrar
Benefícios de comer melancia todos os dias: o que acontece com o seu corpo quando você ingere a fruta com frequência

A melancia é uma fruta com alto teor de água que ajuda a manter o corpo hidratado, principalmente durante o verão.  

Conheça as benefícios de comer melancia todos os dias. (créditos: Shuttersotck)

A melancia é uma das frutas mais saborosas e saudáveis que existe. Rica em água e nutrientes, ela é pouco calórica e tem um teor de gordura baixíssimo, sendo uma ótima escolha para quem está de dieta com foco na perda de peso. Mas os seus benefícios não param por aí. A melancia é um alimento com propriedades diuréticas, antioxidantes e anti-inflamatórias. Por isso, o consumo regular da fruta é muito vantajoso para o organismo.

Conheça os principais benefícios da melancia para a saúde e como incluir a fruta na sua alimentação de diferentes maneiras.

Benefícios de comer melancia todos os dias: fruta ajuda na hidratação do corpo e tem poder diurético

A melancia é um dos alimentos com maior teor de água. Cerca de 92% da sua composição é líquida e, por essa razão, o seu consumo diário é uma ótima forma de manter o corpo hidratado. A alta concentração de água na fruta também exerce um importante efeito diurético no organismo, auxiliando na prevenção e tratamento da retenção hídrica. O problema é caracterizado pelo acúmulo de líquido entre as células dos tecidos, causando inchaço e sensação de peso nas pernas, pés, barriga e mãos.

Embora pareça contraditório, a melhor maneira de reduzir a retenção de líquido é consumir alimentos ricos em água, como a melancia. A fruta também é fonte de potássio, um mineral que diminui os níveis de sódio no organismo e estimula a produção de urina. Ambos os efeitos ajudam a eliminar o acúmulo de água no corpo e aliviar os inchaços.

As propriedades diuréticas da melancia ainda ajudam a eliminar as toxinas no organismo, mantêm a urina limpa e diminuem os riscos de formação de pedras nos rins.

Melancia é rica em nutrientes e antioxidantes

Além de ser um alimento rico em água, a melancia é fruta muito nutritiva. Ela é fonte de magnésio, potássio, cálcio, fósforo e vitaminas do complexo B, como B1, B5 e B6. Todos esses nutrientes desempenham uma série de funções importantes para a saúde. O fósforo, por exemplo, junto com cálcio, fortalece a estrutura dos ossos e dentes. Já as vitaminas do complexo B contribuem para o bom funcionamento do metabolismo e do sistema nervoso.

A melancia também contém diversos antioxidantes, como vitamina C, carotenóides e licopeno. Esses compostos protegem as células do organismo dos radicais livres e fortalecem as células de defesa do organismo. Outros benefícios dos antioxidantes é o seu poder de estimular a produção de colágeno, combater o envelhecimento precoce, melhorar a saúde da pele e ajudar na prevenção de diversas doenças.

O licopeno presente na melancia também tem um efeito muito positivo para o coração. A substância é responsável pela cor vermelha da fruta e atua no controle do colesterol LDL (o "ruim") e da pressão arterial.

Como consumir melancia e aproveitar todos os seus benefícios

A melancia é uma fruta deliciosa que costuma agradar a maioria das pessoas. A melhor maneira de aproveitar seus benefícios é consumi-la in natura ou por meio do seu suco natural. Você também pode incluir a melancia em receitas de saladas de fruta, mousses, sorvetes caseiros e outras sobremesas.

Não existem restrições quanto ao consumo diário de melancia, desde que seja feito com moderação. No geral, a recomendação é de, no máximo, 3 fatias médias por dia. Por outro lado, quem tem diabetes deve consumir a fruta com mais cuidado, já que ela tem alto teor de frutose.

Para pessoas comuns, esse tipo de açúcar natural não oferece grandes riscos á saúde. Porém, organismos que não respondem bem à insulina podem apresentar aumento nos níveis de glicose no sangue após consumir alimentos com frutose.

Veja também:

Por que não pode comer melancia à noite? Descubra no TudoGostoso!
Viagra natural? Nutricionista explica relação da melancia com a impotência sexual

Temas relacionados