• Entrar
  • Cadastrar
Aqui estão alguns alimentos ricos em probióticos para incluir na dieta e melhorar a digestão

 


Os probióticos são essenciais para o bom funcionamento do nosso corpo. Por isso, reunimos a seguir alguns alimentos ricos nesses micro-organismos que irão garantir um bom funcionamento da sua microbiota.  

Conheça alimentos ricos em probióticos para incluir na dieta e melhorar a digestão (Foto: Shutterstock)

Os probióticos são micro-organismos encontrados naturalmente em nosso corpo: quando fazem parte da composição da flora intestinal, podem diminuir uma série de problemas de saúde. Além disso, encontramos muitos probióticos em vegetais lactofermentados, como é o caso do chucrute ou do kimchi, popular na culinária coreana. Laticínios como iogurtes naturais, kefir e o leitelho (também conhecido como buttermilk) são outras opções.

Quais são os benefícios dos alimentos probióticos?

Os probióticos têm muitos benefícios para o nosso corpo: regulam o trânsito intestinal, aliviam os sintomas da síndrome do intestino irritável, ajudam na digestão e reduzem os problemas de diarreia e constipação. Esses alimentos são conhecidos ainda por estimular o sistema imunológico. Veja a seguir uma lista com alguns dos alimentos ricos em probióticos mais populares!

Iogurte Natural

O iogurte natural é uma excelente fonte de probióticos, contendo lactobacilos e outras bactérias benéficas. Opte por variedades sem adição de açúcar ou adoçantes artificiais para obter o máximo de benefícios. Você pode consumi-lo puro, adicioná-lo a smoothies ou utilizá-lo como base para molhos e marinadas.

Kefir

O kefir é uma bebida fermentada feita a partir da adição de grãos de kefir – uma cultura simbiótica de bactérias e leveduras - a diferentes tipos de leite. Ele contém uma variedade ainda maior de bactérias probióticas do que o iogurte, o que o torna uma excelente opção para promover a saúde intestinal.

Kombuchá

Essa é outra bebida fermentada: esta, por sua vez, é feita a partir, popularmente, do chá preto ou verde. É produzida através da fermentação de uma cultura simbiótica de bactérias e leveduras (SCOBY). Ele é conhecido por suas propriedades probióticas e pode ser uma ótima alternativa aos refrigerantes.

Chucrute

Aqui temos o repolho fermentado, uma iguaria popular em muitas culturas. Durante o processo de fermentação, as bactérias benéficas se multiplicam na hortaliça, criando um alimento rico em probióticos. Além de ser uma excelente fonte de probióticos, o chucrute também é rico em fibras e vitaminas.

Kimchi

Kimchi é uma iguaria coreana feita com legumes fermentados, geralmente acelga e rabanete, temperados com uma mistura de especiarias. Assim como o chucrute, o kimchi é uma excelente fonte de probióticos, além de ser rico em antioxidantes e fibras. Ele pode ser consumido como acompanhamento ou adicionado a pratos para adicionar sabor e valor nutricional.

Tempeh

O tempeh é um alimento fermentado à base de soja, originário da Indonésia. Durante o processo de fermentação, as bactérias benéficas quebram os carboidratos e proteínas da soja, tornando-a mais facilmente digerível e criando um alimento rico em probióticos. Além disso, o tempeh é uma excelente fonte de proteínas vegetais e pode ser incorporado a uma variedade de pratos, como saladas, sanduíches e pratos principais.

Você tem o hábito de consumir algum destes alimentos? Em caso negativo, que tal inclui-los aos poucos em sua alimentação? No TudoGostoso, você acompanha várias novidades e curiosidades sobre culinária e alimentação saudável.

Veja mais:

- O erro muito comum que você não deve cometer ao ingerir fibras se quiser regular o intestino;

- Manteiga ou margarina: especialista explica qual das gorduras é um veneno pro seu intestino.

Temas relacionados