• Entrar
  • Cadastrar
Esses alimentos industrializados não respeitam o limite de sódio e são uma bomba de sal, segundo dados da Anvisa

Novo relatório divulgado pela Agência de Vigilância Sanitária mostra que 60% dos alimentos estão acima da quantidade limite 

Confira a lista de alimentos industrializados que contêm sódio acima do limite estabelecido pela Anvisa (Créditos: Shutterstock)

Não é nenhuma novidade que muitos alimentos industrializados encontrados nas prateleiras dos supermercados possuem alto teor de sódio, gorduras e açúcares. Afinal, de acordo com as novas regras de embalagem, os produtos devem ficar com uma lupa com esses indicativos. Porém, uma nova análise divulgada na última quarta-feira (13) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, mostrou que quase um terço dos alimentos industrializados não respeitam o limite de sódio estipulado.

Quais são os alimentos industrializados com alto teor de sal?

No relatório da Anvisa que avalia a quantidade de sódio dos alimentos, aqueles que possuem um teor que ultrapassa o permitido são: temperos prontos par arroz e carnes, biscoitos salgados, bolos prontos sem recheio, misturas para bolo aerado, hambúrgueres, mortadela conservada resfriada, pães de forma, queijo muçarela e requeijão.

Vale destacar que, ainda que o relatório tenha sido divulgado apenas em 2024, os dados são referentes à análises feitas em 2020 e 2021. O intuito da pesquisa foi fiscalizar o desempenho das metas que foram estabelecidas nos Planos Nacionais de Redução de Sódio e Açúcares em Alimentos Industrializados.

Tal plano é tido como questão de saúde pública, já que tem como intuito diminuir o consumo de sódio e açúcares pela população. Ainda segundo a Anvisa, o alimento que mais gerou preocupação foi a mortadela, que ultrapassou os valores permitidos de sódio nos dois anos analisados pelo relatório.

Foram escolhidas aproximadamente 35 categorias de alimentos para realizar a análise da quantidade de sódio, e alguns exemplos são salsichas, empanados, batatas fritas, salgadinhos de milho e batatas palhas. Dessas categorias, cerca de 72% estão dentro da quantidade estabelecida pelo plano do governo. Contudo, esses alimentos ainda são ricos em sódio, viu? Apesar de estarem dentro do parâmetro do plano, cerca de 60% estão acima dos limites determinados pela OMS.

Por que os alimentos ricos em sal fazem mal para a saúde?

Uma alimentação em que há um grande consumo de sódio (também conhecido como sal) pode acarretar inúmeras doenças, como hipertensão, problemas cardiovasculares, AVC e derrames.

Devo cortar alimentos ultraprocessados do cardápio?

Não, você não precisa cortar completamente os alimentos ultraprocessados do seu cardápio, desde que eles sejam consumidos de maneira equilibrada, aliados a uma alimentação saudável e a prática de exercícios físicos. E isso não é a gente que está falando, não, viu?

Segundo o Guia Alimentar para a População Brasileira, os alimentos ultraprocessados devem ser minimamente consumidos, e estão no topo da pirâmide alimentar.

Quais são os melhores alimentos para a saúde?

Ainda segundo o Guia, a base da pirâmide alimentar é feita de alimentos in natura e, por cima, de alimentos minimamente processados. Esses são os melhores e mais indicados para a saúde, nos quais há uma grande preservação dos nutrientes desses alimentos que são benéficos para o corpo humano.

Alguns exemplos dos melhores alimentos para a saúde são legumes, verduras, frutas, grãos, leguminosas e oleaginosas.

Veja mais:

Esse hábito simples revelado por nutri best-seller vai mudar sua relação com a comida

Temas relacionados