• Entrar
  • Cadastrar
Vire o melhor cozinheiro de massas com 5 dicas desse chef e dono de restaurante

Descubra os segredos do especialista em culinária italiana Bobby Flay e reproduza os truques no preparo dos seus pratos

Essas dicas podem ser aplicadas no preparo de vários tipos de massas (Foto: Shutterstock)

Você está pronta para se tornar a melhor cozinheira de massas a partir de hoje? Com apenas 5 lições de um expert no assunto, seus pratos ganharão status de restaurante italiano e sem erros comuns de quem se aventura na cozinha. O responsável pelas dicas imperdíveis é o chef Bobby Flay, que tem mais de 30 anos de carreira e é dono de restaurante.

Como admirador da comida italiana, mais especificamente da culinária da Costa Almalfitana, sul da Itália, o chef é um estudioso dos pratos locais. Não por acaso, seu restaurante se chama Las Vegas de Amalfi.

Para fãs das saborosas receitas italiana, nada como aprender os truques de uma boa massa para reproduzir em casa e se sentir na Itália. Veja as dicas de chef!

Lições importantes para o preparo de um fettucine de tinta de lula

Você só precisa conhecer algumas lições importantes para o preparo de um Fettucine de tinta de lula com molho Fra Diavolo, conforme sugerida pelo chef. Mas essas dicas podem ser aplicadas ao preparo de muitos tipos diferentes de massa.

1) Faça massa de macarrão fresco no processador de alimentos

Usando o acessório da lâmina de um processador de alimentos, bata rapidamente os ovos, a farinha e a tinta de lula em um processador de alimentos até formar uma massa de macarrão. A tinta de lula é opcional e pode ser encontrada em boas peixarias, em lojas especializadas ou supermercados.

O chef prefere a tinta de lula de qualidade salina. Transfira a massa para uma tábua e a amasse por um minuto antes de envolvê-la em filme plástico e deixá-la descansar por pelo menos 30 minutos e até 24 horas antes de enrolá-la.

Depois de enrolado, Flay recomenda formar ninhos soltos de fettuccine e dispô-los em uma assadeira enfarinhada, em vez de secar a massa em uma grelha, para que permaneça ligeiramente úmida.

2) Refogue com óleo de abacate

Você pode usar azeite de oliva extra virgem para refogar, mas Flay tem usado o óleo de abacate com mais frequência ao refogar ingredientes aromáticos como alho e cebola, os elementos básicos do molho de macarrão.

O chef opta pelo óleo de abacate porque tem um ponto de fumaça mais alto e um sabor mais neutro. Ele prefere regar o prato de macarrão pronto com azeite de oliva extra virgem antes de servir para dar um sabor mais rico.

3) Mantenha o molho de tomate em pedaços

Você certamente pode cozinhá-lo por mais tempo, mas Flay cozinha seu molho de tomate caseiro por cerca de 30 minutos para manter o sabor da marinara "mais brilhante e fresco". Ele adiciona 794 g de tomates San Marzano inteiros descascados e seus sucos à panela com alho e cebola refogados e tempera com sal.

Flay adiciona uma pitada de açúcar para equilibrar a acidez dos tomates e acentuar sua doçura natural. Faça isso a gosto, adicionando um pouco de cada vez, assim como faria com o sal.

O cozinheiro esmaga os tomates com um espremedor de batatas: "Quero que meu molho de tomate tenha rusticidade e pedaços porque isso acrescenta contraste e textura ao prato final. Você precisa que essas texturas extras apareçam."

Uma dica do especialista: o molho de tomate sempre terá um sabor melhor no dia seguinte se você tiver tempo de prepará-lo com antecedência e deixar os sabores se fundirem.

4) Descasque o camarão e use as cascas para fazer caldo

Ao descascar o próprio camarão você economiza e também ficará com as cascas, o ponto alto de um caldo rápido, fácil e saboroso.

Para prepará-lo, coloque as cascas de camarão em uma panela, cobre-as com água, acrescente um pouco de pasta de tomate, louro e cebola e deixa a mistura ferver em fogo brando por 30 minutos para fazer o caldo de camarão.

Coe e adicione cerca de meia xícara ao molho de tomate para dar ao seu fra diavolo mais profundidade de sabor ou congele-o para outro uso.

5) A manteiga e o queijo ajudam a fixar a massa e o molho

Flay afirma que muitos cozinheiros italianos zombariam da mistura de queijo com frutos do mar, mas ele recomenda fortemente a adição de parmesão ralado finamente para aumentar o sabor e ajudar o molho a se fixar na massa. "Não é como se fosse um queijo americano", diz ele.

"O parmesão é um dos melhores ingredientes do mundo. É como o sal de nozes, faz tudo ficar mais gostoso." Ao transferir o macarrão al dente para o molho, polvilhe o parmesão diretamente sobre o macarrão cozido antes de misturá-lo ao molho, para que o queijo se agarre primeiro ao macarrão e depois ao molho.

Sempre finalize seu molho com manteiga: "A manteiga é fundamental porque acrescenta sabor, textura e riqueza e ajuda o molho a emulsionar e aderir ao macarrão."

Veja mais!

O segredo de chef para fazer um macarrão alfredo que nem de restaurante

Aprenda o segredo do macarrão ao alho e óleo de restaurante italiano.

Temas relacionados