• Entrar
  • Cadastrar
Humanos podem comer ração? Saiba se Viih Tube colocou a saúde em risco ao comer comida de cachorro na gravidez

Viih tube confessa que comeu ração de cachorro durante a gravidez da primeira filha, mas será que a comida animal pode fazer mal à saúde?

Entenda se comer ração de cachorro igual a Viih Tube pode fazer mal à saúde (Créditos: Reprodução Instagram/Shutterstock)

A gente sabe que desejo de grávida é coisa séria! E quem pensa que ele se restringe aos alimentos, se engana muito! Existem relatos para lá de curiosos de mulheres grávidas com desejos inusitados, como comer tijolo. A influenciadora Viih Tube não fugiu desse problema! Durante o podcast “Podpah”, ela contou sobre um desejo excêntrico que teve enquanto estava grávida de Lua, a primeira filha dela com o ex-BBB Eliezer: ela sentia água na boca por causa da ração de cachorro. Sim, isso mesmo! Vem entender melhor sobre isso e se faz mal para a saúde humanos comerem ração de cachorro.

Viih Tube conta desejo de grávida por ração de cachorro e afirmação gera debates

A ex-BBB contou no podcast que a ração de cachorro era o seu maior ponto fraco durante a gravidez: “Eu ficava com água na boca, sentia o cheiro, me lembro da sensação. Eu sentia o cheiro de longe. Não sei explicar. Comi um grão”.

Pode parecer algo muito estranho, mas muitos pais de pet já provaram a ração do animal por pura curiosidade. Porém, isso gera o seguinte debate: humanos podem comer ração de cachorro? A resposta prática é não! Claro que ninguém vai morrer porque provou um grãozinho da ração do pet, mas não é uma boa prática em grandes quantidades.

As rações animais são balanceadas para cada tipo de bichano, com proteínas, carboidratos, gorduras e nutrientes necessários para cada tipo. O problema é que elas podem conter doses mais altas do que o necessário para o corpo humano. É o caso da vitamina A, uma substância que tem grandes quantidades nas rações. Embora o corpo humano também necessite dessa vitamina, é bem menos do que contém nos alimentos para o animal, e o excesso pode acarretar diversos problemas de saúde como dor de cabeça, níveis de cálcio elevados e até enfraquecimento dos ossos.

Pensa que parou por aí? Nada disso! Outro problema com o consumo de ração animal por humanos está no controle de qualidade da produção. Toda indústria tem um controle de qualidade, mas ele é variável dependendo do produto e do público-alvo. Por isso, essa inspeção de rações não utiliza os mesmos critérios que o controle de qualidade alimentar humano. Dessa forma, as rações não contém nada que possa fazer mal aos pets, mas o mesmo não pode ser dito para os humanos.

De toda forma, o melhor é deixar a ração de cachorro para o cachorro, e seguir com uma alimentação balanceada para humanos.

Veja mais:

Alimentos que ajudam a controlar os enjoos na gravidez
Grávidas podem comer frutos do mar? Descubra se o alimento é arriscado para a mãe e o bebê

Temas relacionados