• Entrar
  • Cadastrar
A maioria faz errado: veja como salgar peito de frango do jeito certo para não ressecar

Veja como fazer o peito de frango perfeito, suculento e maravilhoso, com dicas práticas!

Essas dicas fáceis vão te ajudar a salgar o peito de frango e ainda deixá-lo muito suculento! (Créditos: Shutterstock)

O frango é uma das proteínas animais mais consumidas no Brasil por conta do seu ótimo custo-benefício. Com ele, é possível fazer as mais diferentes receitas, desde o tradicional frango grelhado até o queridinho estrogonofe. Por isso, muita gente já sabe como limpar e temperar o frango. Porém, sabia que você pode estar fazendo errado? Hoje o TudoGostoso vai te ensinar como salgar peito de frango para não ficar seco. Isso mesmo! Ele vai ficar suculento, macio e bem molhadinho. Basta seguir o que vamos ensinar abaixo, vem!

Como salgar peito de frango do jeito certo para ficar suculento e macio

O melhor método para garantir que o peito de frango ficará salgado com perfeição sem ficar ressecado na hora do preparo é deixá-lo em uma salmoura. E, para isso, é preciso usar um pouquinho de matemática. Mas não precisa se preocupar porque nós vamos te ajudar a entender tudo bem direitinho!

Uma salmoura consiste em uma solução de água com 10% de sal. Para salgar o peito de frango, o ideal é adicionar 500 ml de água em uma tigela. Para calcular os 10%, basta multiplicar 500 por 0,1, e o resultado será 50. Assim, você deve adicionar 50 g de sal nessa água e misturar bem. Entendido?

Agora vem a segunda parte do cálculo. Para isso, você precisará pesar cada peito de frango. Em média, eles costumam ter 300 g. A cada 100 g de frango, você deve deixar 7 minutos na salmoura. Então, para salgar um peito de frango de 300 g, você deve deixar 21 minutos. Ficou confuso? O cálculo é simples: basta dividir 300 g por 100 g, que dá 3, e então multiplicar por 7 minutos.

Ah, TudoGostoso, mas eu quero salgar dois peitos de frango. Não tem problema! Se eles tiverem o mesmo peso, ou pesos parecidos, o tempo total será o mesmo, porque o cálculo deve ser feito levando em consideração o peso de apenas uma peça inteira. Então, mesmo que você coloque dois ou três peitos, o tempo final ainda será de 21 minutos. Mais do que isso, a gente aconselha aumentar a quantidade de água e sal, só para garantir que todos os pedaços estarão bem imersos.

Passado o tempo da salmoura, você pode descartar a água na pia, com cuidado para não respingar para todos os lados. Depois, com ajuda do papel-toalha, seque o frango levemente para que ele não solte água demais na hora de grelhar (e acabe cozinhando em vez disso). Por fim, é só levar para grelhar na frigideira com um pouco de gordura, não esquecendo de adicionar os demais temperos da sua preferência como pimenta-do-reino e páprica.

Agora pode lavar o frango?

Não, você não pode lavar o frango! E é importante ressaltar que deixar na salmoura é bem diferente de lavar o frango cru. Primeiro, lavar o frango cru em água corrente faz com que respingue água de frango para todos os cantos da pia, facilitando a contaminação cruzada. Segundo, a salmoura possui uma grande concentração de sal que ajuda a impedir a proliferação de bactérias durante o período em que ele está imerso.

Veja mais:

Pare já de comer filé de frango sem graça! Faça essa receita de frango com shoyu agridoce para variar o cardápio

Temas relacionados