• Entrar
  • Cadastrar
Pessoas com intolerância a glúten podem consumir aveia? Veja o que a ciência diz!

Venha entender se celíacos e intolerantes ao glúten podem comer aveia! 

Confira se a aveia pode ser consumida por intolerantes ao glúten (Créditos: Shutterstock)

É inegável que pessoas com intolerância ao glúten precisam ter muito cuidado na hora de se alimentar e precisam manter uma dieta bastante restrita. É necessário adaptar todas as receitas tradicionais para receitas sem glúten, o que demanda um certo trabalho. Aqui no TudoGostoso, você consegue encontrar diversos preparos sem glúten; no entanto, muitos deles utilizam aveia, um alimento bem controverso e que gera muitas dúvidas em relação ao seu consumo. Pensando nisso, o TudoGostoso decidiu explicar se pessoas com intolerância ao glúten podem consumir aveia. Confira!

Pessoas com intolerância ao glúten podem comer aveia? Veja os cuidados que devem ser tomados

A resposta para essa pergunta é complicada. A maioria das pessoas intolerantes ao glúten podem comer aveia, sim. No entanto, é preciso ficar atento ao rótulo. Se não vier explicitamente escrito que é sem glúten, não compre. O que acontece é que a maioria das marcas de aveia populares podem conter traços de glúten devido a contaminação cruzada com trigo, cevada ou centeio.

Além disso, existe uma outra questão. Enquanto é verdade que a aveia pode ser produzida sem glúten, ela possui uma proteína que também faz parte da composição do glúten. Ficou confuso? Calma que vamos explicar melhor.

Avenina ataca os celíacos? Estudos mostram como ela atinge os intolerantes ao glúten

O glúten é composto por dois tipos de prolamina, uma proteína presente em vários alimentos, e são elas a gliadina e a glutenina. Outros grãos como centeio e cevada também possuem prolamina, mas são diferentes. No caso da aveia, a prolamina presente é a avenina.

A grande questão de tudo é que o verdadeiro problema no glúten está na gliadina e glutenina que são de difícil digestão para as pessoas intolerantes. Os tipos de prolamina presentes no centeio e na cevada também prejudicam celíacos, mas em uma escala um pouco menor. No caso da aveia, a avenina é muito mais digestível para os celíacos, motivo pelo qual ela é indicada para o consumo da maioria. O problema é que uma pequena porcentagem (cerca de 5%) pode apresentar intolerância também à essa proteína.

A gente sabe que tudo isso parece muito técnico, mas no final das contas, o aconselhado é fazer o teste. Se você nunca comeu aveia, nem mesmo a pura, experimente uma quantidade pequena. Caso você passe mal, o melhor é evitá-la. Além disso, procure sempre um médico e nutricionista para qualquer reação que você tenha!

Veja mais:

Coloca aveia em tudo? Pois continue que os benefícios do ingrediente são FANTÁSTICOS

Temas relacionados