• Entrar
  • Cadastrar
Imite os franceses e cozinhe sem estresse: aprenda como fazer o mise en place

Essa técnica vai garantir mais agilidade e eficiência no preparo dos seus alimentos, além de evitar alguns percalços.  

Adote prática dos franceses na cozinha e prepare as receitas com mais prazer (Foto Shutterstock).

O que é mise en place? Talvez a expressão, em meio a tantas outras palavras difíceis da cozinha, pareça algo complexo, mas se você é fã de programas de TV culinários, certamente já sabe do que se trata ou tem alguma familiaridade com esse termo.

Essa prática comum na cozinha francesa é inspiradora e significa "colocar em ordem" ou "por no lugar", na tradução para o português. Talvez esse seja o ingrediente secreto dos franceses para cozinharem sem estresse.

A organização na cozinha pode ser o truque de mestre para quem vai preparar uma receita pela primeira vez. E sabe por quê? Porque as chances de se enrolar com os ingredientes e quantidades são bem menores. E você vai entender os motivos a seguir.

Entenda o que é mise en place

Sabe aquela preparação da receita que começa antes mesmo de colocar o passo a passo em prática? Separar os ingredientes, separar as medidas certinhas, picar o que precisa ser picado, organizar cada item em potes ou pratinho. Todo esse processo faz parte da técnica de mise en place, expressão de origem francesa.

E os franceses são bons nisso! Essa preparação facilita muito quando chega o momento de juntar os ingredientes conforme as orientações da receita.

E isso vale para qualquer tipo de preparo: de um simples bolo comum a um prato sofisticado, o cuidado e a organização funcionam para todas as ocasiões.

3 motivos para adotar a técnica de mise en place?

Quando você tem o hábito de fazer o mise en place, as chances de se deparar com algumas surpresas desagradáveis durante o preparo de um prato são bem menores. Quer ver? Confira três exemplos que comprovam a importância dessa técnica no dia a dia.

  1. Faltou um ingrediente! E agora? Um exemplo clássico. Você se anima para preparar uma receita que viu na TV ou na internet, corre para a cozinha, começa a misturar tudo e descobre, no meio do preparo, que está faltando um ingrediente essencial. Isso não aconteceria se você tivesse separado tudo antes.

  2. Fermento vencido. Já pensou no trauma de preparar a receita do bolo de cenoura fofinho do Tudogosto e, quando estiver com tudo encaminhado, descobrir que o fermento está vencido?

  3. É só comprar e tá resolvido! Deixar uma receita ou massa de bolo encaminhada esperando você sair para comprar um ingrediente pode ser um movimento arriscado para o resultado final. Mas já imaginou se você decide preparar a receita à noite e se dá conta que os estabelecimentos estão fechados? Agora você entende por que mise en place garante mais tranquilidade na cozinha.

Como fazer o mise en place?

O preparo de uma receita pode ser um momento prazeroso e relaxante. E com a técnica de mise en place, além de ser uma garantia de que a sua receita está encaminhada com os ingredientes certinhos, você já entra no clima.

Por mais que pareça ser uma etapa que tome tempo, você vai descobrir que durante o preparo do prato a agilidade e eficiência serão maiores. Tudo já estará em mãos, nas medidas certas e separadinho.

Esse é um dos segredos dos chefs para trazer o seu prato com agilidade no restaurante, mesmo que seja uma receita rebuscada.

Passo a passo do mise en place

Veja algumas dicas simples para você colocar em prática essa técnica a partir da próxima receita que preparar em casa.

  • Separe todos os utensílios que serão usados: facas específicas, espátula de silicone, ralador de legumes, tábua, liquidificador, batedeira ou espremedor de batatas.
  • Faça um checklist de todos os ingredientes para verificar se estão disponíveis na sua despensa e na geladeira e compre o que tiver faltando.
  • Depois que tiver com tudo o que precisa, aí sim comece a separar os ingredientes que são usados. Não esqueça de tirar da geladeira os itens que precisam estar em temperatura ambiente um pouco antes. Já os que precisam estar gelados, deixe para tirar depois.
  • Para preparos como bolo, é interessantes peneirar os ingredientes secos levando em conta que isso não vai prejudicar o resultado final da receita, pode até ajudar a deixar mais aerado. Com relação aos legumes, corte conforme a orientação da receita.


Agora que você já conhece o segredo dos franceses, que tal testar para saber se vai tornar o preparo dos seus alimentos mais eficientes na sua casa?

Veja mais:

Conheça 7 técnicas da alta gastronomia que você pode usar em casa.
Aprenda como converter e medir ingredientes em gramas, líquidos, secos e mais!

Temas relacionados