• Entrar
  • Cadastrar
Costela na airfryer suculenta e coradinha: segredo está em detalhe no uso do papel-alumínio

Preparar costela na airfryer já é fácil, mas pode ficar ainda mais com a utilização do papel-alumínio! Venha descobrir esse truque!

Prepare essa costela suína com o papel-alumínio e surpreenda-se! (Créditos: Shutterstock)

A costelinha de porco perfeita existe e vai ser mais difícil parar de lamber os dedos do que prepará-la! Os restaurantes não te contam os segredos quanto ao modo de preparo, mas pode ficar calmo porque o TudoGostoso pode resolver! E já adiantamos: não pense que o que faz esse prato ficar suculento é apenas o molho, já que existem diversos outros processos que resultam em uma carne suína apetitosa, como o uso do papel-alumínio. Confira agora!

Segredo da costela na airfryer com o papel-alumínio

Quer as melhores costelas de porco? Para elas ficarem perfeitas na airfryer, uma técnica importante é que elas estejam envoltas no papel-alumínio. Mas isso não é tudo! A carne precisa ficar em contato com o lado brilhante do papel. Feito isso, coloque seu embrulho de costela dentro da airfryer a 200° por cerca de 30 minutos. Passado esse tempo, abra o embrulho e leve novamente para o eletrodoméstico por mais 20 minutos, já que isso ajuda a dourar. Depois, é só servir quentinha e se deliciar com a maciez e suculência.

Por que usar o lado brilhante do papel alumínio?

O papel-alumínio é laminado em duas camadas finas, uma com lado brilhante e outra com lado opaco. Ambos os lados são igualmente eficazes em termos de isolamento térmico e proteção contra umidade. Ao assar alimentos, algumas pessoas preferem usar o lado brilhante voltado para a carne, pois isso ajuda a obter uma absorção de calor mais uniforme. Outra vantagem é que o lado brilhante é mais liso e adere menos ao alimento, evitando que a costela grude no papel.

Quais temperos usar para temperar a costela?

Existem várias opções de temperos que podem realçar o sabor da costela. Além dos clássicos sal e pimenta, a mostarda em pó e a líquida podem adicionar um toque de acidez e sabor. O tomilho, o alecrim, a páprica e o manjericão são ervas que podem adicionar uma camada de sabor fresco. Uma boa dica também é espremer alguns limões por cima da costela. O toque ácido combina muito bem com a carne suína. Se preferir um sabor mais doce e defumado, o molho barbecue é uma excelente opção. Você pode experimentar diferentes combinações e quantidades desses temperos de acordo com suas preferências pessoais. Lembre-se de ajustar as quantidades conforme necessário, dependendo do tamanho e da quantidade de costelas que você está temperando.

Mais cor na costela

O papel-alumínio ajuda a costela ficar douradinha, mas outro truque para usar de maneira conjunta é o de usar o açúcar mascavo. Ele pode ser usado para dar brilho e caramelizar os cortes suínos, criando uma camada externa atraente. Para isso, basta polvilhar por cima da carne suína. Use as mãos ou uma colher para pressioná-lo na carne. Esta técnica adiciona um certo toque agridoce de sabor para a costelinha de porco, tornando-a mais suculenta e apetitosa.


Veja mais

Como fazer vinagrete para churrasco? TudoGostoso ensina a melhor receita de todos os tempos!
Dá para fazer feijão sem panela de pressão? Descubra se é possível preparar a leguminosa sem o utensílio
Queria um doce e não queria gastar dinheiro: juntei o que tinha em casa na frigideira e virou a minha receita favorita

Temas relacionados