• Entrar
  • Cadastrar
Por que comemos doce depois das refeições? Entenda esse desejo de sobremesa

Você é o tipo de pessoa que termina uma refeição e já corre para comer um doce? Saiba que esse desejo não é apenas um hábito alimentar, mas um instinto do seu organismo.  

Comer doces depois do almoço ou jantar é uma forma do organismo de compensar a queda da serotonina. (créditos: Shutterstock)

Depois das refeições sempre rola aquela vontade de comer um docinho. Mas você sabia que existe uma razão fisiológica para isso? Esse desejo nada mais é do que uma resposta do cérebro ao processo de digestão. Por isso, ninguém consegue resistir a uma boa sobremesa depois do almoço ou jantar. Ao contrário do que muita gente pensa, o hábito não chega a ser considerado prejudicial à saúde e até evita que o corpo sofra com picos de insulina, hormônio responsável por controlar a quantidade de glicose no sangue após a alimentação. O perigo, é claro, está nos excessos.

Entenda o que está por trás do desejo de comer açúcar após as refeições e veja como consumir sobremesas de maneira responsável.

Vontade de comer doce depois das refeições tem a ver com a queda de serotonina

A serotonina é um neurotransmissor conhecido por atuar no nosso humor e na sensação de bem-estar. O que muitos não sabem é que ele também participa da digestão, já que controla a motilidade intestinal e a liberação de enzimas digestivas. Durante o processo de digestão, a concentração de serotonina cai bastante, fazendo com que o organismo busque maneiras de reabastecer o estoque. A melhor forma de aumentar a quantidade da substância é por meio dos doces.

Por isso, é comum sentir vontade tanta de comer doce depois das refeições. O açúcar é fonte de triptofano, um aminoácido que ao ser captado pelos neurônios, produz serotonina. Quando a serotonina é secretada pelo intestino, seu estoque cai e sua reposição depende da ingestão de alimentos ricos em triptofano.

Como comer doces sem exagero após o almoço?

Os carboidratos são as principais fontes de triptofano. No entanto, esse aminoácido também pode ser encontrado em outros alimentos como aveia, banana, frutas cítricas, oleaginosas e derivados do leite. Portanto, uma maneira de equilibrar a alimentação é trocar os doces por frutas. Elas têm o mesmo efeito na produção de serotonina e ainda são mais saudáveis.

Isso não significa que você deve abandonar os doces completamente. Com moderação é possível saborear sobremesas deliciosas depois das refeições sem comprometer a saúde. Procure ingerir porções pequenas. Por exemplo, ao invés de comer uma barra de chocolate inteira, consuma apenas alguns pedaços. Outra dica é dar preferência a versão 70%, que possui menor teor de açúcar.

Por fim, escolha consumir doces caseiros ou preparos feitos com cascas de frutas. Alimentos industrializados possuem um alto teor de açúcar muito alto, além de aditivos alimentares, como corantes e aromatizantes.



Veja também:

Saiba por que sentimos sono depois de comer
Vídeo de bolo mesclado fascinante viraliza no TikTok: TudoGostoso mostra as dicas para fazer em casa e ficar perfeito!

Temas relacionados